Confira 7 atrativos diferenciados para se fazer na região da Tríplice Fronteira


Compartilhe este conteúdo com seus amigos

7- Museu Moisés Bertoni

O museu de um famoso pesquisador suíço, se mudou para Argentina, e logo mais tarde, mudou-se para o Paraguai, onde viveu maior parte de sua vida. Bertoni se destacou em botânica, etnografia e estudo da língua Guarani, e fez avanços significativos nas áreas de zoologia, etmologia, agricultura, biologia e metereologia.

O passeio começa com os visitantes embarcando no barco Echaporã, que passa por um trecho de 40 minutos pelo rio Paraná, chegando ao Museu Bertoni, chegando lá, os visitantes irão se deparar com duas casas que foram construídas no século passado, há inúmeros livros, objetos científicos e obras de Moises Bertoni, além de plantas exóticas e centenárias da região e de outros países também. Você também tem a oportunidade de visitar o cemitério da família e conhecer os artesanatos indígenas por uma tribo que habita a vizinhança.

Confira 7 atrativos diferenciados para se fazer na região da Tríplice Fronteira

6- Plaza Jesuítica

O lugar não é apenas mais um shopping com uma ótima opção para fazer suas compras no Paraguai. O Plaza Jesuítica possui uma estrutura muito interessante e bonita inspirada nas Missões Jesuíticas. Além de contar com uma grande diversidade de lojas que se encontram no shopping, que é a céu aberto, vale a pena conhecer. E tem ótimas opções de onde comer, se quiser saber onde comer em Ciudad del Este, clique aqui e confira esse post.

Confira 7 atrativos diferenciados para se fazer na região da Tríplice Fronteira

5- Encontro das Águas

A saída de barco é realizada no Cataratas Iate Clube, as margens do Rio Paraná. Este atrativo consiste em um maravilhoso e relaxante passeio de barco, onde você pode contemplar os monumentos arquitetônicos aqui da região, como a Itaipu, a Ponte da Amizade, a Ponte da Fraternidade, e ainda é possível observar o Marco das Três Fronteiras e a Ilha Acaray. A diversão é garantida.

Confira 7 atrativos diferenciados para se fazer na região da Tríplice Fronteira

4- Ruínas de San Ignácio

É uma das obras jesuíticas mais antigas aqui da região, foram criadas em 1632 e redescobertas em 1897, conhecidas por serem as mais conservadas das missões em território argentino. Neste passeio, você pode apreciar as ruínas, ao redor de uma praça central você pode observar: a Casa dos Padres, o cabildo, cemitérios, a Igreja e as vivendas. As construções estão feitas com grandes pedras avermelhadas que você encontra na região.

Confira 7 atrativos diferenciados para se fazer na região da Tríplice Fronteira

3- Iguassu Secret Falls

Neste atrativo, você encontra as mais belas cascatas da região (fora as Cataratas do Iguaçu), em algumas, é possível até mesmo entrar na água. Durante este atrativo, você conhece mais 10 cachoeiras maravilhosas, são 6 trilhas que passam por 5 rios (Monjolo, Carimã, Tamanduá, Arroio Corredeiras e Remanso). Você tem a opção de fazer a trilha caminhando ou de bicicleta, sempre tendo o apoio de um veículo, todo o passeio é guiado por um profissional bilíngue, que sana todas as dúvidas sobre o local.

Confira 7 atrativos diferenciados para se fazer na região da Tríplice Fronteira

2- Minas de Wanda

Wanda é famosa por suas minas, que são repletas de pedras preciosas. São 5 minas que você tem acesso durante o passeio, encontrando esmeraldas, ametistas, ágatas, topázios de várias cores, rubis, cristais, quartzos, são mais de 48 variedades.

O derrame de lava vulcânica há milhares de anos criou as jazidas, a lava criou bolhas de ar nas rochas, cristalizando-as e gerando essa imensa variedade de cores e pedras. O passeio é realizado com a companhia de um guia.

Confira 7 atrativos diferenciados para se fazer na região da Tríplice Fronteira

1-Cataratas do Iguaçu – Lado da Argentina

É um passeio pelas Cataratas do Iguaçu, mas vendo uma das Sete Maravilhas da Natureza de um ângulo bem diferente. A maior parte das Cataratas está localizada em território argentino, então a vista e a sensação do lugar são únicas. Vale conhecer as duas Cataratas e tirar suas próprias conclusões sobre qual gostou mais.E lá também há passeios como os que temos aqui no lado brasileiro, clique aqui para conferir os passeios ofertados pelo Parque.

IMPORTANTE: vale lembrar que ao fazer esse passeio, você deve tomar muita água, levar água, repelente e protetor solar, a visita é um pouco mais cansativa que a trilha do lado brasileiro. E também... não alimente os quatis.

Confira 7 atrativos diferenciados para se fazer na região da Tríplice Fronteira

E quer saber como fazer esses passeios? Contate a Combo Iguassu, e faça uma cotação conosco. E além de todos esses atrativos, Foz do Iguaçu acabou de ganhar o mais novo atrativo, veja mais clicando aqui.

Atendimento pelo Whatsapp